Fotos de natureza | Photoshop: amigo ou batoteiro?

Posted by on Jan 13, 2013 in Blog | 0 comments

Fotos de natureza | Photoshop: amigo ou batoteiro?

 

Vou falar acerca da utilização do Photoshop no trabalho fotográfico. Assunto que por desconhecimento leva a más interpretações tornando muito difícil passar a mensagem contida na foto, deixando de lado o espírito que cada foto emana, de cada local e de cada um de nós.

Void

“Vácuo”

Sou muitas vezes interpelado sobre o resultado final de determinada foto, com este tipo de frase. “Que foto bonita!!!…mas tu só consegues fazer isto porque utilizas o Photoshop!!!” Como quem pensa: “és um batoteiro assim também eu!”  Pergunto: Existe uma tabela ou uma regra? Com diferentes níveis de utilizaçao?… Ou “fotografia” que é fotografia, não o deveria permitir a utilização do Photoshop? Penso que tal ideia é no mínimo… aprisionada!!

Vanished

“Desaparecido”

Sempre foi intuitivo no homem a busca de conhecimento, de fazer mais e melhor, mais alto, mais além e na fotografia não é diferente. Desde cientistas, dentistas, biólogos, família, viagens, etc., a fotografia é a adaptável a qualquer vertente das nossas vidas esse facto é mais evidente nas ultimas décadas.
Vivemos numa época em que cada pessoa tem uma máquina que cabe no bolso de uma camisa, portanto cada um é fotografo, cada um tem uma opinião…
A minha opinião é que o Photoshop é um meio de expressão artística que tem credibilidade como qualquer outro meio, quer para quem crie de raiz, para quem processe fotografias ou para outra finalidade qualquer. Como se um pintor fosse obrigado a pintar sempre com o mesmo pincel, como se colocássemos em causa o processo do pintor quando vemos o quadro finalizado. Numa fotografia existem quase sempre duas pessoas, que a tirou e quem a vê. Quem a vê ou gosta ou não gosta, não deverá filtrar a sua opinião pelo processo que levou até ela.

Long time submission
“Submissão eterna”
Há cem anos demorávamos um minuto a tirar uma foto de família, um retrato, hoje é possível tirar uma fotografia no crepúsculo a um/a motociclista a 200KMH, completamente parado ou congelado. O ISO das máquinas cada vez emitirá menos ruído a níveis mais elevados de utilização, fotos nocturnas que parecem de dia. Tudo vai no sentido de se conseguir melhores resultados. Não me parece que a utilização do Photoshop desvirtue o resultado final de uma fotografia, vejo sim como uma ferramenta poderosa, refinador das capacidades existentes num ficheiro retirado pela máquina. Desde a investigação que antecede a foto, o clique na máquina, a impressão ou apresentação na Web tudo tem o seu “know-how”, quanto mais refinado e controlado for esse processo melhores serão os resultados finais, tanto na Impressão com na Web. Todo este processo, denominado “workflow”, está em evolução constante mediante novas aprendizagens. Já em 1930 alguns dos resultados obtidos eram através de técnicas complicadas de “sala escura”. Adulterações, batota?!?!? Claro que não!! É necessário ter uma visualização do que se quer. Através destas técnicas dominavam as tonalidades como alteravam a exposição em determinado local da foto. Naquela altura tomara muitos terem o Photoshop. Presentemente as técnicas mais sofisticadas permitem um controlo livre de químicos nocivos à saúde, com facilidade de estarmos sentados em frente ao computador.

Cada pessoa tem um grau compromisso e exigência com o seu trabalho. Eu, gosto de apresentar o melhor resultado, que sei, com todas ferramentas disponíveis para todos, o sol, a lua, conhecer mapas, conhecer a marés, caminhadas sem fim com mala de X quilos às costas, estar no sítio certo à hora certa, Lightroom, Photoshop, etc… e muitos outros assuntos. Não só a fotografia de paisagem, muitos outros tipos de fotografia são por si só, o reunir de conhecimentos das mais diversas áreas, quanto mais conhecermos o motivo, mais probabilidades teremos quando a oportunidade surgir estar lá conseguir fotografar fazendo talvez a foto da tua vida.

“O Photoshop permite uma infinidade de opções,… é uma porta aberta para a criatividade!”

Com trabalho e domínio dos processos mais cedo ou mais tarde os resultados vão aparecer.

escrito e fotografado por Marco Santos Marques – Fotos de natureza – Photoshop; amigo ou batoteiro?

O seu nome (obrigatório)

O seu e-mail (obrigatório)

Assunto

A sua mensagem

captcha

Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On Google PlusVisit Us On PinterestVisit Us On YoutubeVisit Us On Linkedin